Mais resultados

Generic selectors
Somente correspondências exatas
Pesquisar no título
Pesquisar no conteúdo
Post Type Selectors
post

Bruno Reis sugere que Denis apresente ‘táxi picape’ como proposta de campanha para que a prefeitura possa “viabilizar”

Denis Paim retomou o pedido ao prefeito Bruno Reis sobre o táxi picape
O taxista se encontrou com Bruno Reis em uma agenda externa do chefe do executivo realizada na manhã de hoje, dia 26 - Imagem: Divulgação

Denis Paim, presidente da Associação Geral dos Taxistas (AGT), retomou o pedido ao prefeito de Salvador, Bruno Reis, para a implementação do projeto do táxi picape na cidade. O taxista se encontrou com Bruno Reis em uma agenda externa do chefe do executivo realizada na manhã de hoje, dia 26.

Durante o encontro, Denis questionou Bruno Reis sobre a possibilidade de viabilizar o projeto dos carros utilitários para os taxistas de Salvador. “Meu prefeito, os taxistas estão perguntando referente aos carros utilitários, que o interior da Bahia já tem, e nós estamos precisando pra continuar avançando”, perguntou Denis para Bruno Reis.

Em resposta, o prefeito sugeriu que Denis incluísse o projeto como uma de suas propostas de campanha, para que a prefeitura pudesse analisar e atender à demanda. “Coloca como uma das suas propostas de campanha pra gente trabalhar pra poder atender. Traz aí como proposta sua pra poder a gente viabilizar”, afirmou o prefeito.

O táxi picape já foi liberado em diversas cidades do interior do estado, porém, em Salvador, o assunto encontra-se estagnado na Secretaria de Mobilidade, que não se manifesta sobre o tema publicamente. Fontes próximas relataram ao Ei Táxi que tanto o gestor da pasta, Fabrizzio Muller, quanto o diretor Armando Yokoshiro, expressaram desinteresse em trabalhar pelo projeto, classificando-o como “maluquice”.

Essa situação evidencia um embate político entre os gestores da Semob e o presidente da AGT, que tem feito constantes solicitações pelo projeto do táxi picape não apenas ao prefeito, mas também ao vereador Carlos Muniz (PSDB), presidente da Câmara de Vereadores de Salvador.

Aguarda-se, agora, os desdobramentos dessa questão, que reflete o desejo da categoria dos taxistas em modernizar e adaptar seu serviço às demandas da população soteropolitana.

(Visitas totais 4.070)

Compartilhe

12 respostas

  1. A preocupação de Denis é importante para a categoria, vale apena ressaltar que o Denis procura melhora para tal,quem não quer comprar carro picape, que fique com seu veículo tradicional, não podemos deixar de avançar por causa de alguns que querem ficar atrasado, a modernidade está aí, os aplicativos nos mostrou e ainda existe pessoas atrasadas, coitado da nosso categoria, por isso que tão sofrida, não tem um representante!!!!!

  2. Nós taxista trabalhamos em fila de táxi e toda hora aparece corrida que necessita de carro picape , alguns colegas prá não perder a oportunidade de ganhar mais um pouquinho, levam fogão, tv de 60 polegadas etc. com uma picape ficaria mais fácil.

  3. Já deveriam ter liberado, principalmente por ser a Capital! Já tem esse tipo de veículo liberado no interior, em Salvador vai depender de campanha politica! Vergonhoso!

  4. Quanta conversa fiada, a verdade é que o povo continua burro , votando nessas espécimes que não melhora nada Salvador, saúde péssima, segurança péssima e educação péssima, e eles enriquecendo às custas do povo.

  5. Seria muito bom ! Com tanta concorrência cada diferencial de atendimento é um ponto a mais. Estou na torcida.

  6. Kd os táxis acessíveis para cadeirantes falta de respeito meu prefeito….. Com os deficientes….

  7. Bm dia! Eu gostaria muito que esse projeto se realizasse em nossa capital, devido a muitos serviços procurado no táxi comum e não conseguimos realizar. Devido ao local de acesso ou o tipo de bagagem.

  8. Bom dia eu sou taxista a 23 anos e acho esse projeto totalmente equivocado chega de querer copiar tudo que se vê por aí. O que deveria ser pedido as autoridades era mais respeito a categoria que esta sendo ameaçada pela a ação dos transportes clandestinos em toda cidade por falta de atuação dos órgãos competentes em geral. por que conhecimento do caus todos têm.

  9. Boa iniciativa, isso possibilitar os taxistas novas oportunidades de negócios e com isso trazer uma UP grade na renda dos mesmo.

    1. aqui em Salvador vejo muito carro com placa de táxi do interior, de cidades bem distantes, usando como carro particular. Quais cidades grandes já usam esse tipo de veículo, esse projeto parece ser para beneficiar alguns taxistas que querem ter o descontos na compra do carro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se em nossa Lista de Transmissão

Siga nossas Redes Sociais

Siga nossas Redes Sociais