Mais resultados

Generic selectors
Somente correspondências exatas
Pesquisar no título
Pesquisar no conteúdo
Post Type Selectors
post

Vagas de táxis do Centro de Salvador têm sido invadidas diariamente; AGT cobra providências. Cotae diz que motoristas infratores foram multados

Os taxistas que trabalham no Centro de Salvador enfrentam dificuldades nos pontos de táxis, pois as vagas destinadas para a prestação do serviço são invadidas diariamente por carros, motocicletas, vans, caminhões e até ambulantes. A Associação Geral dos Taxistas (AGT) tem cobrado da Transalvador soluções para estes problemas. Segundo a Cotae, motoristas infratores foram multados na Av. Sete de Setembro, mas lembra que com equipe reduzida, tem sido difícil manter as operações de fiscalização por toda a cidade.

O presidente da AGT, Denis Paim, esteve, hoje (16), rodando pelo Centro de Salvador e pode constatar que problemas combatidos por ele, ainda seguem sem solução dos órgãos municipais. No Ponto de táxi em frente ao Relógio de São Pedro, na Av. Sete de Setembro, os carros particulares e as motocicletas voltaram a estacionar nas vagas oficiais de táxi. “Falei com um agente da Cotae, mas ele disse que só fiscaliza táxi”, disse Denis.

Na Av. Joana Angélica, o ponto de táxi que ficava em frente à loja Di Santinni foi realocado para o lado oposto, o que tem gerado transtornos para os profissionais.

Há três meses, eles mudaram o ponto da Di Santinni para o outro lado, só que do outro lado existem os feirantes e ainda tem uma placa de embarque e desembarque de mercadorias, tudo isso atrapalha que os passageiros entrem e desçam do táxi”, explica o presidente da AGT.

Já na Av. Carlos Gomes, os taxistas que fazem fila no ponto que fica na entrada do Largo Dois de Julho reclamam de ameaças de um homem não identificado que se diz policial. Segundo os profissionais, esta pessoa exige que os taxistas retirem seus veículos do ponto para que ele possa estacionar vans ao longo do passeio como demonstra a imagem. Além de quererem ocupar as vagas de táxis, as vans ainda são estacionadas em local proibido, desrespeitando a sinalização.

Em resposta às denúncias, o chefe da Coordenação de Táxi e Transportes Especiais (Cotae), Clemilton Almeida, disse que as equipes foram deslocadas para o Centro e multou os motoristas que estavam estacionados na fila de táxi em frente ao Relógio de São Pedro. “Fiz contato com a equipe que foi lá e constatou a infração. Os motoristas foram multados. Já quanto ao problema da Av. Joana Angélica, é diferente, tem uma placa de carga e descarga em frente à fila de táxi, mas já foi solicitado à Transalvador para rever essa situação”. Com relação à denúncia da Av. Carlos Gomes, Clemilton informou que já passou a situação para a equipe de fiscalização para que seja averiguado o problema das vans.

Já não aguento mais entrar em contato com o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, que promete resolver os problemas dos pontos de táxi do Centro, mas nada”, finaliza Denis na bronca com o chefe da Transalvador.

(Visitas totais 201)

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se em nossa Lista de Transmissão

Siga nossas Redes Sociais

Siga nossas Redes Sociais