Mais resultados

Generic selectors
Somente correspondências exatas
Pesquisar no título
Pesquisar no conteúdo
Post Type Selectors
post

Categoria em Salvador está de luto; taxista que estava internado no Hospital Couto Maia não resistiu ao novo coronavírus e veio a óbito

O taxista Emanuel Tadgue Almeida, 64 anos, alvará (A-2330), conhecido como Leninho, que estava internado no Hospital Couto Maia devido ao novo coronavírus (COVID-19), não resistiu e veio a óbito nesta segunda-feira (6). A informação partiu do presidente da Associação Geral dos Taxistas (AGT), Denis Paim.

Leninho havia apresentado os sintomas há cerca de vinte dias, foi internado no posto de saúde Maria da Conceição Santiago Imbassay, no bairro de Pau Miúdo, e no dia 24/3 foi transferido para o Hospital Couto Maia, em Cajazeiras, ambos em Salvador.

O taxista costumava rodar nos pontos do Centro da cidade. Foram 40 anos na profissão, onde cultivou muitas amizades na praça. Leninho deixa esposa e um filho.

O presidente da AGT lamentou a morte do colega: “nunca estamos preparados para perder alguém que amamos, mas eu desejo que a família tenha força para suportar essa dura perda”.

O sepultamento acontecerá, hoje (7), às 10h30, no cemitério da Quinta dos Lázaros, na Baixa de Quintas. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determina que normas sanitárias sejam seguidas nos hospitais, funerárias e velórios. É obrigatório que o corpo seja velado em um caixão lacrado e se aglomerações de pessoas para evitar contaminações.

(Visitas totais 456)

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se em nossa Lista de Transmissão

Siga nossas Redes Sociais

Siga nossas Redes Sociais