Mais resultados

Generic selectors
Somente correspondências exatas
Pesquisar no título
Pesquisar no conteúdo
Post Type Selectors
post

O Movimento está Vivo! – Por Jairo Conceição

Taxistas-auxiliares-protestam capa
O Ei Táxi registrou o momento de união dos taxistas auxiliares de Salvador, que fizeram história - Foto: Arquivo

Por volta de 2010, iniciou-se em Salvador, o movimento dos taxistas auxiliares, cansados de serem explorados, pelo regime escravocrata, que impuseram diárias absurdas de R$700 por semana, o que, nos colocava sobre todo tipo de riscos, violência etc., como também diante das péssimas condições de trabalho análogo a escravidão.

O estopim e a repercussão, logo o movimento ganhou força, que a título de buscar mais representatividade, visibilidade e reconhecimento, surgiu então a (ATAS) Associação dos Taxistas Auxiliares de Salvador.

Tendo como mentor Jairo Conceição, fundador e primeiro presidente da associação, a ATAS, investigou e denunciou ao Ministério Público, o que ficou conhecido na época como “A MÁFIA DOS ALVARÁS”.

Tivemos duas principais bandeiras de reivindicação: acabar com as diárias absurdas e buscar por meio de articulação política a concessão de novos alvarás para os taxistas auxiliares antigos na praça.

O movimento foi organizado e politizado. Não tínhamos o apoio da elite da praça; caixinhas, cooperativa ou empresa de rádio táxi. Tampouco das locadoras e de pessoas possuidoras de vários alvarás.

Os detentores perseguiam o movimento a todo vapor, porque estava lhes causando prejuízos, devido aos taxistas estarem sendo conscientizados e cada vez mais decididos a agregarem-se ao movimento.

Distorceram a ideia central do movimento, especulando que queríamos tomar os alvarás dos permissionários, o que era uma absoluta mentira. Lutamos pelos direitos dos taxistas auxiliares, lutamos contra as desigualdades e contra a escravidão branca infiltrada em nossa classe.

Quero destacar, que, o jornal Ei, Táxi foi primeiramente a única mídia que deu voz ao movimento. Somos muito gratos ao Adriano Rios por ser incrivelmente imparcial.

O movimento foi democrático, foi justo e sincero, e hoje, a pós muitos anos, está sendo reconhecido. Inclusive, à época fui terrivelmente perseguido; fui ameaçado de morte; fiquei 4 anos escondido, mas valeu a pena! Eu faria tudo novamente.

O engraçado disso tudo, é que hoje estão se contradizendo… Querendo reivindicar a autoria de uma luta que começou em 2010.

Nunca desista de lutar.

Lute pelo o que você acha justo, honesto e democrático.

Jairo Conceição

Taxista de Salvador

Alvará A-6866

(Visitas totais 56)

Compartilhe

Uma resposta

  1. Jairo Conceição herói mas agora Adorno está levantando essa bandeira com eles vamos para frente que eu já fui auxiliar e já sofri igual a vocês

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cadastre-se em nossa Lista de Transmissão

Siga nossas Redes Sociais

Siga nossas Redes Sociais