Em Salvador, a vistoria de táxi começa dia 20 de agosto

  • Em Salvador, a vistoria de táxi começa dia 20 de agosto

    Táxi recebem os adesivos durante a vistoria anual - Foto: Ei, Táxi (arquivo)

    Os táxis recebem os adesivos durante a vistoria anual – Foto: Ei, Táxi (arquivo)

     

    Assim como acontece todos os anos, os 7,2 mil táxis da capital baiana passarão pela vistoria da Coordenação de Táxi e Transportes Especiais (COTAE), órgão que coordena e fiscaliza o sistema de táxi. Esse ano, o processo começará dia 20 de agosto.

     

    Os primeiros, como já é sabido, serão os táxis comuns, enquanto que os especiais, das cooperativas Comtas e Coometas, deverão comparecer entre 10 e 14 de dezembro.

     

    O taxista precisará pagar a taxa da vistoria municipal (R$ 81,79) e a tarifa do Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro) que custa R$ 52,18. Além disso, estar atento às condições do veículo (faixas, trafegabilidade [elétrica, mecânica e acessórios], acrílico e conservação interna adequada para o atendimento ao público).

     

    Cledson Nogueira, chefe da vistoria, lembra que continuarão sendo aprovados os veículos com variação da cor branca e a mala menor que 290 litros, neste caso não sendo permitida a instalação do kit GNV.

     

    Esse ano, ao contrário do que ocorreu no ano passado, os selos de vistoriados serão entregues normalmente.

     

    A vistoria acontece na sede da COTAE, nos Barris, nos horários de 7h30 às 11h30, e 13h às 16h30. A meta é vistoriar 100 veículos por dia. O não comparecimento na data agendada torna o taxista passível de multa no valor de R$ 42,30.

     

    Confira a tabela com os dias de cada alvará. Ela também pode ser obtida pelo site www.mobilidade.salvador.ba.gov.br

     

    Imagem: Divulgação

    Imagem: Divulgação

     

     

    Share on Facebook

    Deixe um comentrio

    Required fields are marked *